News

Costa deixa Jerónimo à defesa em debate-autópsia da Geringonça – Portugal


O líder do PCP, Jerónimo de Sousa, teve dificuldades em explicar de forma clara as razões do chumbo do Orçamento. António Costa aproveitou o foco do debate nesse chumbo para reafirmar a falta de confiança na Geringonça – e pedir a maioria estável.

“Já sabem que 25 minutos terminam num instante”, avisou logo à cabeça Pedro Mourinho, o moderador do debate na TVI entre António Costa e Jerónimo de Sousa. Ambos terminaram com cerca de 11 minutos de tempo de antena num debate ocupado quase em exclusivo com a autópsia do chumbo ao Orçamento do Estado para 2022 – que ditou a necessidade de eleições – e com questões futuras de governabilidade, deixando muito pouco para as propostas dos partidos. Costa usou esses 11 minutos para pedir estabilidade por forma a poder dar solução aos problemas do País e Jerónimo procurou explicar por que razão pôs fim ao ciclo político anterior. O tom foi sempre de respeito mútuo.

O vencedor do debate




Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.