News

As férias do stress, da ansiedade e do “burnout” | Opinião


Em consultório recebi a Joana (nome fictício), mulher de 38 anos, casada, com dois filhos, a lutar por ir de férias e sair do seu modo “piloto automático’’. Aquele modo mecânico em que entramos e simplesmente cumprimos as exigências das rotinas e a lufa-lufa do dia-a-dia.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.